O Verdadeiro Atalaia


Pastor Holding Bible ca. 2000“Filho do homem, fala aos filhos de teu povo e dize-lhes: Quando eu fizer vir a espada sobre a terra, e o povo da terra tomar um homem dos seus limites, e o constituir por seu atalaia; e, vendo ele que a espada vem sobre a terra, tocar a trombeta e avisar o povo; se aquele que ouvir o som da trombeta não se der por avisado, e vier a espada e o abater, o seu sangue será sobre a sua cabeça.”

“Ele ouviu o som da trombeta e não se deu por avisado; o seu sangue será sobre ele; mas o que se dá por avisado salvará a sua vida. Mas, se o atalaia vir que vem a espada e não tocar a trombeta, e não for avisado o povo; se a espada vier e abater uma vida dentre eles, este foi abatido na sua iniquidade, mas o seu sangue demandarei do atalaia.”

A ti, pois, ó filho do homem, te constituí por atalaia sobre a casa de Israel; tu, pois, ouvirás a palavra da minha boca e lhe darás aviso da minha parte.” Ezequiel 33:2-7

O dicionário HOUAISS traz o significado para a palavra atalaia como uma sentinela, alguém que vigia, que vela por algo. Deus nos chama para sermos seus atalaias, Ele nos escolheu para sermos sentinelas, vigias, alertando cada pessoa do que está para vir.

Quando desbravador, assim como qualquer outro juvenil “acampante”, eu gostava de ficar na ronda noturna. Uma dessas vezes eu estava de ronda e passei pela cozinha quando me deparei com várias trilhas de formigas pelo chão. As formigas estavam procurando comida e a nossa estava justamente no chão. Imediatamente pendurei toda a comida para que as formigas não a alcançasse. Depois disso me senti quase um super-herói, eu era o guardião de todo o acampamento e evitei que nossa comida fosse devorada pelas formigas.

DOIS TIPOS DE ATALAIAS

Mas existem dois tipos de atalaias. Isaías 56:10-11 fala de um mal atalaia. O descreve como cego, ignorante, cão mudo, preguiçoso, dorminhoco, guloso, incompreensivo e ganancioso. Ou seja, como sentinelas não servem. Em contrapartida existe o bom atalaia que é descrito em Isaías 52:8 como alguém que grita, ergue a voz, exulta e reconhece o retorno do SENHOR. São dois tipos de atalaias em extremos opostos. E qual desses você é? Qual tipo de atalaia você tem sido?

O PROCEDIMENTO DO VERDADEIRO ATALAIA

Deus nos escolheu para sermos bons atalaias. E requer que nos lancemos ao trabalho com todas as forças. “Deveis aprender a lançar-vos a trabalho por ocasião do chamado ao dever.” Meditação Matinal 1980, p.18. Todavia nós acabamos nos envolvendo demais com as coisas do mundo e acabamos tendo tempo de menos para as coisas de Deus. “Deus indicou a igreja como atalaia […]. A igreja porém não se compenetra da situação. Ela dorme enquanto está de guarda.” Orientação da Criança, p. 312. Somos como guardas dormindo, diz o Espírito de Profecia. Estamos deixando o mundo perecer na ignorância, nas trevas. Devíamos dar o alarde, o sinal, mas estamos ocupados demais conosco mesmo.

As pessoas estão dependendo de nós como atalaias verdadeiros. “Os atalaias necessitam viver bem achegados a Deus, para ouvir-lhe a palavra e serem impressionados por seu Espírito, de modo a que o povo não espere neles em vão.” Testemunhos Seletos Vol1, p. 534. Este deve ser nosso compromisso, ser luz às pessoas.

Deus nos chama ao serviço e devemos atende-Lo da melhor maneira possível nos tornando bons atalaias, alertando ao mundo que pouco tempo lhe resta, que estão a perecer, que o Salvador se aproxima e que seu momento de oportunidade se dissipa a cada dia. Para tanto, nós precisamos nos preparar diariamente buscando estar em comunhão com Deus, refletindo em seu amor, em seu sacrifício, buscando capacidade dos céus para sermos bons atalaias.

Existe um filme chamado “O Preço do Amanhã”. Eu gostaria de ressaltar que neste longa as pessoas possuíam no braço um relógio em contagem regressiva e quando esta contagem zerava a pessoa falecia. Eles podiam passar um para o outro a quantidade de tempo que quisessem, desde que a possuíssem evidentemente. Entretanto o importante é que facilmente se podia ver quanto tempo de vida ainda tinha aquela pessoa.

Se você pudesse saber quantos dias e horas de vida uma pessoa tem o que você faria por essa pessoa? Será que se importaria de saber se ela está pronta para receber sua recompensa, ou deixaria pra lá? Eu creio que se importaria, pois se você pudesse ver em quanto tempo sua vida acabaria, daria o seu melhor para receber a recompensa de glória.

Mas não conhecemos esse tempo, ele é desconhecido para nós. Mesmo assim podemos ver as pessoas morrendo. O tempo delas está acabando, e temos o dever de alerta-las sobre seu triste fim. Você vai dar o alarme ou não?

Esse post foi publicado em Missão, Sermões e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s